logoCAFE_ACAO
logoCAFE_ACAO

Desenvolvimento Integral – O que é?

24/06/2019

Na Era do Conhecimento ouvimos muito falar de despertar, desenvolvimento pessoal, dons, talentos, essência, autoconhecimento, espiritualidade, expansão da consciência, energia, universo quântico, inteligência emocional, liberdade emocional e por aí vai. Mas o que significa isso tudo?

São temas relacionados ao nosso desenvolvimento integral.

Estamos em transição de consciência, onde o mundo material e científico conhecido tem se mostrado ineficiente para lidar com as demandas do mundo interno.

Parece que se somente religião não nos preenche a vida de significado o outro extremo, ciência e materialismo, também não.

Chegou o momento de integrarmos essa equação para ver no que dá.

Hoje é comum ouvirmos sobre limpeza da casa e das energias, falarmos de órgãos e chákras, emoção e razão,  saúde integral: corpo, mente e espírito. São assuntos que se interconectam.

Quem ainda não ouviu falar das chamadas “doenças da alma”: depressão, síndrome do pânico, transtorno de ansiedade e outras mais?

Lidamos com incontáveis situações no nosso cotidiano que não tem a ver com dificuldades materiais somente, estamos adoecendo emocionalmente.

Vejo nas consultorias muitos desafios que não estão relacionados somente a problemas emocionais ou materiais, mas que advém da falta de equilíbrio dos três pilares do desenvolvimento integral que são: pilar físico-material, psicoemocional e pilar energético-espiritual.

Nas consultorias, independente do objetivo que a mulher queira atingir, trabalhamos os três pilares e isso tem trazido excelentes resultados, pois todas despertam para a necessidade de olhar para esses pilares como fonte de atenção e cuidado para conseguir atingir o equilíbrio necessário para lidar com as demandas do mundo atual.

E isso não significa que os desafios deixam de existir, mas que as bases são cuidadas e desenvolvidas para se manterem fortes e flexíveis e, diante das ventanias da vida, curvarem-se mas não quebrarem.

Isso significa um desenvolvimento integral. Alinhar e fortalecer o tripé do desenvolvimento integral.

E cada um tem a sua forma de fortalecer cada pilar de acordo com as suas visões de mundo.

Respeitar o universo de cada um é essencial. Não importa o caminho escolhido, pois são inúmeros os caminhos para o amor e a realização e cada um tem que encontrar o seu de acordo com o seu momento e evolução.

Para compreender melhor, vejamos algumas reflexões que podemos fazer para desenvolver esses pilares.

Comece refletindo sobre o seu corpo físico. Como é a sua alimentação, se você tem energia para as atividades diárias, sente-se bem e tem um bom relacionamento com o seu corpo? Faz atividade física, tem flexibilidade, mobilidade e conexão com o seu corpo? Tem práticas de autocuidado? Sente prazer ao se cuidar?

Avalie os seus pensamentos. São pensamentos predominantemente positivos ou negativos? Você se considera uma pessoa otimista, pessimista ou realista? Seus pensamentos são rápidos e desconexos? Você tem pensamentos repetitivos e voltados ao passado ou ao futuro? Ou consegue viver no presente com atenção e aproveitando cada momento?

Avalie sua relação consigo e com os outros. Consegue entender e elaborar o seu momento de vida? Gerencia as suas emoções? Conhece o seu padrão emocional? Tem uma boa relação interpessoal? Conhece e sabe colocar os seus limites? Realiza algum processo de desenvolvimento pessoal?

Defina objetivos materiais. Tem um plano de vida? Segue em busca de objetivos que te realizam profissionalmente? Sabe o que quer construir em cada fase da vida? Avalia o seu desempenho e faz as ações necessárias de acordo com os resultados obtidos? Tem grandes sonhos e desenvolve as habilidades necessárias para atingi-los?

Defina objetivos de alma. Sabe quais são os seus valores e princípios? Tem objetivos claros? Define os seus objetivos levando em conta os seus princípios? Respeita a sua intuição? Busca contribuir com o mundo de alguma forma?

Cuida da própria energia e da energia da casa. Tem consciência de quais energias estão atuando na sua vida? Trabalha conscientemente com as suas energias identificando o que é seu e o que não é?  Cuida da sua energia com responsabilidade resguardando-se de pessoas, situações e locais que te sugam? Limpa frequentemente os ambientes que convive e que são de sua responsabilidade como casa e escritório? Abastece a sua energia de forma ética e consciente?

Alimenta a sua vida criativa. Ser criativo é estar conectado com o seu poder de criação. Como você colore o seu dia? Como embeleza a sua vida, seus pensamentos, as suas atitudes? Como vivencia os seus ciclos? Exercita o seu olhar para perceber as sutilezas no caminho?

Desenvolve a sua espiritualidade. Como é a sua relação com o Divino? E esse Divino pode ser a Natureza, o Espírito Santo, Deus, Deusa, Conhecimento, Fonte da Vida, Grande Arquiteto, etc. Como você mantém a sua relação com a Espiritualidade? É uma relação que te preenche de amor, vivifica e nutre? Ou é uma relação que te mantém contida e submissa a ideias inquestionáveis? Como você vive a sua Fé?

Essas são somente algumas reflexões que podemos fazer no caminho do desenvolvimento integral. Porém, esse processo é constante e repleto de nuances e desdobramentos que nos impulsionam a um sentido maior da vida. Começamos desenvolvendo a nós mesmos e no decorrer do processo vamos percebendo que fazemos parte de um contexto muito maior do qual o pouco ou muito que fazemos tem um impacto enorme para o bem e para o mal.

Partimos em busca do autodesenvolvimento e conforme avançamos vamos percebendo que o entorno faz parte de nós e cuidá-lo é dever e uma responsabilidade essencial. Ampliamos a nossa compreensão da vida e passamos a ter outra visão do mundo, da nossa própria vida. Tudo passa a ter sentido e entendemos que toda experiência é válida para o nosso crescimento assumindo também a responsabilidade pela escolha do que semeamos.

Pronto! Até aqui deu para ter uma boa ideia de como podemos ter um desenvolvimento integral. Sugiro a você que está lendo esse texto que faça uma reflexão sobre esses conceitos e veja de que forma você tem vivido de acordo com esses pilares.

É com consciência que assumimos a responsabilidade sobre o nosso desenvolvimento integral. Saber por onde caminhar e organizar um processo simples, porém profundo de transformação com base em quem queremos nos tornar.

Ter um norte, fortalecer as bases e desenhar um caminho possível, de acordo com cada fase que estamos, mas sem parar e com a certeza de que seremos sempre melhor e faremos sempre o melhor para nós, para o nosso entorno e para as pessoas que amamos.

Um beijo e um café!

Francine Sarmento

Café e Ação Consultoria para o Desenvolvimento da Mulher

 

 

Postado por cafe-e-acao


Aceita um CAFÉ?

Agende um horário e vamos conversar.

O primeiro café é gratuito.

Neste primeiro encontro vamos conversar um pouco para entender a sua necessidade e qual Consultoria é a mais indicada para o seu objetivo.

Depois deste primeiro encontro, definido o campo de atuação e as ferramentas e profissionais envolvidos, enviamos o  orçamento da Consultoria escolhida e após aprovação iniciamos o processo.

 Aguardo o seu contato.

Um beijo e um café!
Francine Sarmemto 

Av. Miruna, 1.569 -  Indianópolis - SP